Essa é para os Nerds de plantão.

Tremor na ilha de java

phpThumb_generated_thumbnailjpgCAML72RZUm sismo de magnitude 6.3 na escala de richter abalou hoje a ilha de JAVA.
Ao que foi depurado, mais de três mil classes estão desaparecidas e pra cima de vinte mil ficaram com código gravemente modificado e não compilável.
O número de excepções ClassNotFoundException aumentam de dia pra dia, e teme-se que alguns objectos possam nunca mais ser chamados devido a alguns construtores que foram destruidos.
Já foi pedida ajuda de packages internacionais para substituir métodos fundamentais na execução de programas.
Logo á noite não perca uma família de instâncias que vêm relatar a sua história a televisão e contar como foram os ticks de pânico que viveram durante o abalo sísmico.

icon_javaTestemunho de uma instância:
java.tvi.reporter – Como foram para si os ticks que viveu durante o abalo?
java.util.HashSet – Estava um dia de sun, estava a ser uma instanciação normal, eu estava a ser invocado por uma classe que, se nao estou em exception, era de uma das bibliotecas da sun, e de repente, sem que nada o fizesse prever, é executado o método execSismo com um argumento 6.3 (com cast para escala) e começo a ver tudo a abanar! Fui a correr pra debaixo da ombreira de uma import, enquanto que os meus outros métodos correram prás windows pra ver o que é que se passava. Foi então que eu lhes disse que era mais seguro irem pra debaixo da ombreira da import, até o sismo passar.

Recebi por email. Não sei exatamente o autor dessa bagaça.
Hahaha